Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

Como?

Como Nascem os Cravos e as Rosas

Ela veio ao mundo desnuda de maldades Trazia no olhar brilho intenso, o qual iluminava o que vislumbrava Acreditava no amor e num tal “felizes para sempre” Até que um dia resolveu aventurar-se por outros corações
Apaixonada, entregou-se, mergulhando de cabeça Permitiu-se envolver mais e mais Até não saber onde ela própria começava e o outro findava Estava voando, leve como a brisa em seus cabelos
Entretanto a realidade atingiu-a em cheio As promessas mostraram-se falsas As palavras vazias Enfim ela caiu
Levantou-se, tempos depois, contudo estava mudada Raízes prendiam-na ao chão Espinhos projetavam-se de seu corpo Permanecia bela, delicada, porém armada
               ***
Ele chegou inocente Crente na sinceridade dos sentimentos Disposto a amar, confiante na resposta Esperançoso em seu íntimo
Passou por caminhos que o levaram às alturas Planejou sonhos nos papeis do pensamento Ergueu projetos de uma vida Duas, na verdade
Todavia, a resposta não veio Os papeis perderam-se e os projetos ruíram A esperança foi a…